Campeonato Brasileño de ORC e IRC, triunfos para Pajero y Ruda.


copyright Fred Hoffmann

copyright Fred Hoffmann

Fuente info Peccicom

Pajero e Rudá são campeões brasileiros de ORC e IRC

Competição organizada pela ABVO foi realizada na Ilha Grande e contou com 25 barcos

Terminou no último sábado, na Ilha Grande, em Angra dos Reis, o Campeonato Brasileiro das classes ORC e IRC. O evento foi organizado pela Associação Brasileira de Veleiros de Oceano, entidade responsável pelo gerenciamento das duas regras no país, e contou com a presença de 25 barcos de São Paulo e Rio de Janeiro. Após seis regatas, o Rudá levou o título geral na IRC e o Pajero, na ORC.

“O campeonato foi muito gostoso, à beira do mar, pé na areia… Não é uma raia viciada, foi um campeonato justo. Parabéns para a ABVO por ter feito um campeonato inteiramente realizado por ela”, disse Mario Martinez, que é 2º Vice-Comodoro da entidade.

“Fizemos uma boa média de resultados… não arriscamos muito, formos conservadores e somamos menos ponto. A tripulação fez um bom trabalho, o barco estava rápido, bem trabalhado no rating, o que nos coloca em uma posição favorável. Como somos os mais rápidos podemos tomar as decisões antes dos adversários. O campeonato foi excelente, com seis regatas diferentes, não teve raia viciada… fechamos com chave de ouro. Estamos muito contentes. Estamos em um ano muito bom, vencemos o Circuito de Floripa, a Semana de Vela e agora o Brasileiro”, disse André Fonseca, o Bochecha, tático do Pajero.

Os quatro dias de regatas foram de sol e vento bom. A Comissão de Regatas presidida por Cuca Sodré conseguiu cumprir o programa, fazendo regatas barla-sota e de percurso. Como o evento foi realizado fora de um clube, os happy hours foram feitos na praia, favorecendo a integração entre velejadores e também com o público local.

“Escolhemos a Ilha Grande por ela estar equidistante da Ilha Bela e do Rio de Janeiro, que possibilitaria a presença dos barcos dos dois estados, além de ser uma localização pouco explorada para eventos de vela. É um lugar muito bonito, com uma raia onde os velejadores não estão acostumados a competir. Escolhemos fazer em setembro, pois não havia regata de oceano entre a Semana de Vela de Ilhabela, em julho, e o Circuito Rio, em outubro/novembro. A Ilha é muito bonita e atrai turistas que vão em busca de atividades em meio à natureza e a vela acaba levando um outro tipo de turista para lá”, disse o Comodoro da ABVO Paulo Freire.

Resultados:
ORC: Pajero, Eduardo Souza Ramos, Iate Clube de Santos

ORCA
1. Crioula, Eduardo Plass, Veleiros do Sul
2. Pajero, Eduardo Souza Ramos, Iate Clube de Santos
3. Maximus, Ralph Rosa, Clube Naval Charitas

ORCB
1. Maestrale Log Sub/Mapma, Adalberto Casaes, Iate Clube do Rio de Janeiro
2. Marlim, Rodrigo Cavalcanti, Grêmio de Vela Escola Naval
3. Bijupirá, Gabriel Velloso, Gremio de Vela Escola Naval

IRC
IRC I e II
I.
1. Rudá, Mario Martinez, Clube Internacional de Regatas
2. Saravah, Pierre Joullié, Iate Clube do Rio de Janeiro
3. Cherne, Renan Cerqueira, Grêmio de Vela Escola Naval

II.
1. Asbar IV, Jonas de Barros Penteado, Iate Clube de Santos
2. Jack Spot, Pedro Avelino, Iate Clube do Rio de Janeiro
3. Orson Czechvar, Carlos Eduardo Silva, Iate Clube de Ilhabela

O Brasileiro de ORC e IRC é organizado pela ABVO, com patrocínio da Mitsubishi e apoio da CBVela, Marinha do Brasil, ICRJ, Quantum Sails, North Sails, B&G, Harken, Nautisport, Riostar

Deja un comentario

Puedes usar las siguientes etiquetas y atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>